segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Dê um basta

Sabe quando você decide dar um basta? Um basta pra tudo, pra covardia, pra falta de respeito, pra falta de educação, pra pessoas chatas que não te acrescentam nada, pra pessoas que gostam de estar por perto e falar mal dos outros, pra inveja, pra mau caratismo, pra tudo de ruim que existe. Eu decidi dar um basta. Não quero por perto esse tipo de coisa. Estou dispensando completamente tudo aquilo que me faz mal.

O grande problema é que a gente tem vacina pra quase tudo nessa vida, mas pra esse tipo de coisa não. É preciso saber reconhecer e isso requer experiência. O pior é que para ter experiência é necessário passar por situações complicadas até você adquirir os anticorpos. Fazer o quê?

Eu cansei, juro. Cansei de aturar besteiras, gente mesquinha, gente invejosa, gente que gosta de ver a infelicidade alheia, gente que mente estar feliz como se devesse satistação aos outros, aliás, gente que mente uma alegria absurda como se vivesse uma outra vida, que participa de um mundo que não é seu, mas que se sente parte dele. Por que isso???

Eu prefiro viver a minha vida normal, aquela que tem dias chatíssimos e outros muito bacanas, aquela vida de fim de semana com filme e pipoca, namorando ou não, mas também de um momento com os amigos, seja para dançar ou comer, tanto faz, afinal, quando se tem amigos tudo fica legal. E quer saber? Eu até te recomendo o mesmo, faça desse jeito porque é mais interessante, mais sincero, mais real. Mas se você opta por viver uma vida que não é sua, uma vida de mentiras e enganações, ok, sem problemas, só faça o favor de não ficar por perto.

Um comentário:

Jahm disse...

Na,

Adorei o texto.Concordo com cada vírgula escrita nele e, por isso, assino embaixo.

Vamos dar um basta em tudo que não nos faz feliz!!!

BJahm